O dólar comercial fechou cotado a R$ 4,987, em alta de 0,15%. No entanto, no mês, a variação foi negativa.

Publicidade

Veja também

Publicidade

O Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores brasileira (B3), encerrou em valorização de 1,47%, aos 104.431,63 pontos. A Bolsa foi elevada, principalmente, por ações da Gol (+ 9,03%), BRF S.A (+ 8,38%) e CVC (+ 6,67%).

Resultado do mês

Publicidade

Renovando o valor abaixo dos R$ 5, o dólar termina o mês de abril em baixa de 1,6%. Na semana, a moeda estrangeira caiu 1,4%.

Já a Bolsa cresceu 2,5% em abril. Na semana, o Ibovespa ficou quase estável, em oscilação de 0,06%.

Cenário interno

No Brasil, o mercado digeria a taxa de desemprego no Brasil, que subiu para 8,8% no primeiro trimestre do ano, segundo o IBGE. Apesar do aumento, é o menor resultado para o período desde 2015.

Cenário externo

Nos Estados Unidos, o mercado aguardava a Ptax, anunciada ao fim de todo mês. A taxa calculada pelo Federal Reserve, o Banco Central norte-americano, serve de referência para a liquidação de contratos futuros.

Outro dado em repercussão é o índice de preços PCE, uma leitura da inflação e que subiu 0,1% em março, após alta de 0,3% em fevereiro.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial (saiba mais clicando aqui). Para quem vai viajar e precisa comprar moeda em corretoras de câmbio, o valor é bem mais alto.

Fonte: UOL


Aguarde Saiba Mais